Sébastien Llinares

guitarra

Após ter desenvolvido formação clássica e estudos em musicologia e jazz, Sébastien Llinares foi distinguido pela na Academia Internacional de Música de Cagliari (Sardenha), através de uma bolsa de estudos para frequentar a classe de Rafael Andia na École Normale Supérieure de Musique, em Paris. Posteriormente, apoiado pela Fundação Zalesky, obteve o Diplôme Supérieur de Concertiste. Nesta fase, o seu professor declarou que "Sébastien tem um talento único que o coloca em pé de igualdade com os melhores. Uma técnica ilimitada aliada a um som notável dá uma força incomum à sua música. Ele mostra tal facilidade que nunca se percebe qualquer esforço, o que é raro mesmo entre os maiores guitarristas". Atualmente, Sébastien Llinares explora o repertório com a intenção de criar um novo estilo dentro da guitarra contemporânea, onde a clareza formal, a consciência histórica e espontaneidade são aliados num diálogo entre estilos e épocas. S. Llinares toca numa guitarra de concerto moderna, do luthier Graham Caldersmith, e numa guitarra barroca, por Charles Besnainou.

Sébastien Llinares apresenta-se regularmente em recitais em França e no estrangeiro, nomeadamente na Salle Cortot em Paris, nos Claustros Jacobinos em Toulouse, no Instituto Cervantes (Paris e Toulouse), no Teatro Lírico de Cagliari (Sardenha), e na Casa da UNESCO de Paris, na Fundação Cartier para a Arte Contemporânea, na Cité de la Musique, em Paris, e no Château de Penthes (Genève). Foi também convidado para festivais como o Festival Radio France e Montpellier, o Festival de Música Contemporânea Novelum, o festival barroco Passe ton Bach d'abord!, e o Notti Musicali (Itália).

Música de câmara e música de conjunto são os principais componentes do trabalho de Llinares. Colabora com vários artistas como cantores: Omo Bello, Elise Chauvin, Sarah Laulan, Orianne Moretti; a violoncelista Maitane Sebastian; o guitarrista clássico Nicolas Lestoquoy; o guitarrista de jazz Noel Akchoté; o guitarrista de flamenco Serge Lopez. Recentemente, Sébastien começou a colaborar com a Orquestra da Câmara de Toulouse.

É um intérprete quese foca muito no repertório da música contemporânea, nomeadamente através da divulgação de obras de compositors atuais como Éric Pénicaud, Dominique Preschez, Tristan Murail, Jérôme Combier ou Karol Beffa, bem como na criação de algumas obras de sua autoria.

Entre 2009 e 2011 Sébastien Llinares escreveu uma coluna mensal na revista parisiense La Terrasse. Desde então publica regularmente artigos, ensaios e editoriais musicais, nomeadamente para a revista francesa Guitare Classique.

Sébastien Llinares é professor de guitarra no Conservatório de Paris Erik Satie e no Conservatório Internacional de Musique, em Paris.

As suas gravações, publicadas pela editora Paraty, foram calorosamente recebidas tanto pela imprensa como pelo público.

sebastienllinares.wordpress.com

ARTWAY, Lda. - Agenciamento & Produções Artísticas | Rua Ribeiro de Sousa, 401, 4250-408 Porto - PORTUGAL | geral@artway.pt

ARTWAY, Lda. © 2011 - 2016 TODOS OS DIREITOS RESERVADOS